PARA SER UM GRANDE PALESTRANTE.

Por: Palestrante J.B MAXX

Durante muitos anos comentei com vários amigos, colegas professores e familiares, sobre minha vontade de me tornar um grande palestrante. Muitos compartilhavam comigo e me confessavam, sempre em particular, de terem essa mesma vontade, que já se tornara um sonho. E que só não tinham se dedicado a esse sonho por falta de condições e por saber que não é tão simples assim, como a maioria pensa.

 

Bem, estou a quase quatro anos integralmente dedicado a isto, ou seja, em ser um grande palestrante e poder falar para milhões de pessoas. E, de cadeira, posso lhe dizer que não é fácil mesmo, parafraseando um amigo pessoal: “parece que é difícil, mas não é fácil não”.

 

Mas, aproveito esse espaço e vou compartilhar contigo algumas coisas que tenho aprendido e que certamente poderá lhe ser útil, uma vez que você também deseja ser um palestrante de sucesso. Algumas dicas:

 

  1. Seja muito bom em vender-se, pois vai precisar. Hoje, depois de quase quatro anos de dedicação, gasto (e certamente você tb gastará) 90% do meu tempo PROSPECTANDO, ou seja, buscando encontrar quem possa me contratar.

  2. Não basta ser bom. Tem que “parecer” bom, principalmente para quem o contratará. É preciso ser “percebido” como grande e experiente palestrante e transmitir confiança para ser contratado.

  3. Faça sua identidade visual. Transmita confiança e credibilidade através da aparência. Procure e contrate um designer para criar sua marca, sua identidade visual, bonita, simples e fácil de ser reproduzida em todas as peças gráficas que irá fazer. Esse é um serviço oferecido por excelentes profissionais no mercado a um preço bem acessível.

  4. Tenha um site profissional. Na maioria das vezes o site é a principal ferramenta de consulta utilizada por quem contrata palestrante. A aparência é importante, mas o mais importante é que as informações que interessam aos contratantes sejam fáceis de serem encontradas, tais como:

    1. Seu currículo, seus valores e missão de vida

    2. Seus clientes;

    3. Seu portfólio com conteúdos das suas palestras;

    4. Seus artigos e livros escritos;

    5. Links para as redes sociais (para tanto esteja em pelo menos duas ou três delas, atuando);

    6. Galeria de fotos e vídeos exclusivamente de ou sobre suas palestras;

    7. Sua newsletter (informativos eletrônicos divulgando seu trabalho através de informações e artigos);

    8. Depoimentos e declarações de clientes.

    9. Contatos.

 

Não se esqueça que a utilização de recursos muito sofisticados tecnologicamente podem dificultar a visualização do seu site, principalmente, quando acessados pelos tablets, celulares, etc.

A sua imagem é retratada através do conteúdo que o seu site disponibiliza.

 

5.  Produza conteúdo relevante. Escreva artigos e divulgue-os no site e nas redes sociais, direcionando os leitores para o seu site. Escreva sempre sobre os assuntos que trabalha em suas palestras e que sejam de interesse de muitos, isto ajuda a construir sua imagem de especialista, gera credibilidade e constrói sua reputação social.

 

6.  Produza e envie a sua Newsletter.  Determine uma periodicidade e habitue seus seguidores a receberem sempre nas mesmas datas informações sobre você: o que está fazendo, onde está palestrando, quem visitou, etc., claro, mas principalmente, artigos que escreve e que são relevantes para os leitores. Coloque pelo menos dois artigos e algumas poucas, mas constantes, informações sobre você. A regularidade é que cria o hábito.

 

7.  Produza vídeos.  Reforçando seus artigos e suas palestras, além de valorizar sua imagem para quem interessa. Vídeos de palestras ou produzidos para divulgação do seu trabalho. Disponibilize-os no site e como ilustração dos artigos na Newsletter. Essa ferramenta ilustra e dá credibilidade ao contratante, evitando que o mesmo tenha que vê-lo atuando para lhe contratar. A contratação desse serviço fica mais acessível se fizer uma parceria com profissionais da área para divulgá-los ou procurar os laboratórios acadêmicos das faculdades de comunicação, por exemplo. Ou mesmo, compre uma máquina fotográfica semi-profissional e faça você mesmo. O importante é não deixar de fazê-los.

 

8.  Faça fotos profissionais. Vale a pena gastar um pouco mais e ter mais qualidade. Faça um ensaio fotográfico e tenha um book para utilizar no site, nos e-mails marketing, nas redes e nas  newsletters, ou seja, em tudo que for divulgar. E lembre-se: uma lente profissional favorece a imagem que pretende transmitir.  Existem vários locais que oferecem esse serviço, inclusive com atendimento domiciliar, o que facilita a troca de roupas, e local. Se possível, tire algumas fotos em locais históricos e turísticos da cidade. Isto auxilia na identificação.

 

9.  Atue e esteja presente nas redes sociais. As redes ajudam pouco na venda efetiva de suas palestras, mas reforçam sua imagem e são comumente pesquisadas pelas empresas contratantes. É preciso tempo e dedicação para estar presente nas redes sociais, de preferência tenha alguém exclusivamente para fazer isto, se possível é claro. Mostre o que está fazendo para que todos os stakeholderes (públicos envolvidos diretamente ou não com você) saibam sobre sua atividade e sobre você.

 

10.  Tenha uma papelaria com qualidade. Invista na qualidade de seu cartão de visita, folhetos, papéis e propostas comerciais. Principalmente nos seus e-mails marketing, na assinatura dos e-mails, etc.

 

11.   Tenha depoimentos de clientes. Os depoimentos e declarações de qualidade reforçam a confiança e credibilidade junto ao contratante de palestras, além de valorizarem os resultados obtidos pelos clientes com o seu trabalho.

 

12. Provoque indicações. Quando possível, tenha os contatos dos participantes e peça indicações. Faça o mesmo com os clientes que lhe contratam. Claro, após uma avaliação e ter garantido que o mesmo tenha ficado muito satisfeito com a sua performance.

 

13. Tenha um endereço nobre.  Essa é uma forma de mostrar-se grande diante de quem contrata palestras, principalmente se o endereço for do conhecimento de todos na cidade.

 

14.  Explore o humor (na medida) em suas palestras, use vídeos, músicas. É mais fácil aprender se divertindo.

 

15. Não estranhe, mas esta dica vale OURO: CRIE UM JARGÃO para fixar na mente dos ouvintes e repita-o várias vezes durante a sua palestra. Eles irão lembrar de você sempre que ouvirem isto. A sua frase de fixação deve ser simples, fácil e curta.

 

16.  Trabalhe o seu conteúdo para ser apresentado em uma hora.

 

Isto tudo, claro, será complemento do conteúdo que você oferece ao mercado. Lembre-se que o mercado compra mais show com conteúdo do que o contrário (o mercado não quer aula, mas palestrashow). Faça sua apresentação divertida e conte muitas histórias e cases.

 

E caia no gosto do mercado.

Prof. JB​

 

 

​​

Quer  discutir  algum aspecto deste  artigo ou fazer um comentário, contate-me através do e-mail 
palestrantejbmaxx@gmail.com


Prof. J.B  – Palestrante, especialista em Marketing e Vendas – vender mais é fácil;  retenção de clientes; atendimento ao cliente e motivação.
Mestre e Professor de graduação e pós-graduação (MBAs) nas áreas de marketing e vendas.– WWW.JBMAXX.COM.BR  -  ​Indique  para  seus  amigos.

SIGA-ME AS REDES SOCIAIS

  • Facebook Social Icon
  • LinkedIn Social Icon
  • Instagram
  • YouTube Social  Icon

CONTRATE AS PALESTRAS DO PALESTRANTE PROF. JB

E ENCANTE SEUS CONVIDADOS !

31- 99122-7438

palestranteprofjb@gmail.com