APRENDA A ELOGIAR E A CRITICAR

Por:  Palestrante J.B MAXX




Se elogiar é uma arte, criticar não fica muito distante e como tal, deve ser realizado com um pouco de maestria. A seguir estão algumas dicas para serem seguidas quando você decidir elogiar e/ou criticar um membro da sua equipe para motivá-lo:

1.     Torne o ato de elogiar um hábito. Os grandes líderes fazem isto.


2.     Seja bem específico sobre o seu elogio – O elogio se perde quando é feito no âmbito geral das ações, portanto, seja específico, elogie uma ação. Por exemplo: JB, você fez um excelente trabalho no atendimento ao Sr. Paulo. Tenha este bom trabalho como exemplo, sempre! E Parabéns!    Evite: “JB, você está fazendo um ótimo trabalho, MAS não deixe o ritmo cair e continue melhorando”.



3.    Não elogie ações comuns – o elogio às ações comuns não motivam para a melhoria. Além de correr o risco de cair na banalização.


4.    Elogie para melhorar o rendimento – descubra algo de bom num vendedor com dificuldades em vendas e procure incentivá-lo neste quesito.


5.    Só elogio não basta!  Excelentes resultados merecem mais do que um elogio. Prêmios, gratificações, bônus, novas responsabilidades e outras tantas formas de reconhecimento são fundamentais.


6.    Não perca a oportunidade de elogiar, mas, evite elogiar numa hora inadequada.


7.    Estimule, provoque e cobre elogios de toda a equipe.


8.    Elogie em público. Elogie em particular. Elogie sempre!

Elogiar é uma arte, assim como, criticar.  Caso o gerente ao criticar não seja bem-sucedido, todo o bom trabalho anterior pode ficar comprometido por apenas algumas poucas palavras.


Toda vez que precisar conversar com alguém que esteja fazendo algo de errado, lembre-se dessas lições:



1.      Critique a ação e não a pessoa. (não é ele, mas o que ele faz)


2.      Para criticar, inicie a conversa elogiando os pontos fortes da outra pessoa. (ele não é a pior pessoa do mundo...)


3.      Se o elogio é público, a crítica é INDIVIDUAL E RESERVADA.


4.      Identifique o comportamento que deseja criticar e seja específico. Não generalize a crítica.


5.      Antes, certifique-se que o comportamento a ser criticado pode ser mudado.


6.      Utilize “nós”. Isso demonstra que você quer resolver o problema em conjunto. Isto é mais produtivo que ameaçar.


7.      Certifique-se que a outra pessoa compreende o motivo da crítica.


8.      Não Torture. Não enrole. Seja prático e gentil, sem discursos.


9.      Não menospreze nem faça uma voz sarcástica ou em tom de raiva. Isto é improdutivo.


10.  Mostre à pessoa que você entende o sentimento dela, mas que deseja ajudá-la.


11.  Ofereça incentivos para mudanças de atitude, lembre-se de tantos sucessos que conhece neste tocante.


12.  No final, reafirme seu apoio e segurança na pessoa.


13.  Termine a conversa com um bom aperto de mãos e um abraço.

E VOCÊ,  JÁ ELOGIOU HOJE?





Abraços e até o próximo artigo.

Palestrante

Prof. JB

​​



Quer  discutir  algum aspecto deste  artigo ou fazer um comentário, contate-me através do e-mail  palestrantejbmaxx@gmail.com
 
Prof. JB – Palestrante, especialista em Marketing e Vendas – vender mais é fácil;  retenção de clientes; atendimento ao cliente e motivação.
Mestre e Professor de graduação e pós-graduação (MBA) nas áreas de marketing e vendas.– WWW.JBMAXX.COM.BR  -  ​Indique  para  seus  amigos.

SIGA-ME AS REDES SOCIAIS

  • Facebook Social Icon
  • LinkedIn Social Icon
  • Instagram
  • YouTube Social  Icon

CONTRATE AS PALESTRAS DO PALESTRANTE PROF. JB

E ENCANTE SEUS CONVIDADOS !

31- 99122-7438

palestranteprofjb@gmail.com